Curso Diversiprática tem avaliação positiva dos alunos

Os alunos do curso Diversiprática da PUC Goiás participaram de uma avaliação on-line sobre as disciplinas do Módulo II , ministradas pela coordenadora do Programa de Direitos Humanos (PDH), Núbia Simão, pela coordenadora do Programa de Estudos e Extensão Afro-Brasileiro (Proafro), Fátima Freitas e pelos gestores do Banco Santander, Sérgio Tertuliano e Hiver Tebas.

Um total de 20 alunos dos 50 matriculados participaram da pesquisa. Desse total, 60% responderam que estão muito satisfeitos com o conteúdo abordado, que é feito de forma clara e organizada pelo ministrante do curso. 65% dos alunos responderam que estão muito satisfeitos com os exemplos dados e 85% consideraram que o ministrante interagiu bem com os alunos, facilitando o aprendizado.

Um total de 80% dos alunos afirmou que o ministrante esclareceu as dúvidas dos alunos e 65% consideraram que a plataforma onde foi ministrado o curso, a Teams, atendeu as expectativas dos acadêmicos. E 60% dos alunos ficaram muito satisfeitos com o tema que foi abordado na aula.

Os alunos também comentaram sobre a importância do curso. Um acadêmico disse que “o curso tem sido um diferencial na minha carreira estudantil e certamente na minha formação profissional”. Outro aluno comentou que “os conteúdos são muito interessantes, e o curso até o momento foi satisfatório em todos os quesitos”. “Os professores ministrantes são extremamente humanos, prestativos e didáticos, excelente curso”, comentou outro aluno.

O curso é realizado pelo Programa de Direitos Humanos (PDH), pelo Programa de Estudos e Extensão Afro-Brasileiro (Proafro) da PUC Goiás, em parceria com Banco Santander. As aulas começaram no dia 9 de maio e vão até o dia 24 de junho. O objetivo do curso é formar em finanças, de forma gratuita e à distância, jovens negros e de baixa renda, que são estudantes da PUC Goiás, para promover a inclusão dos acadêmicos no Sistema Financeiro Nacional.

(Texto: Eliani Covem/ Assessora da Proex)

Leia Mais
Zoo Adventure