Semestre letivo é concluído com levantamento

Câmara de Graduação teve destaque neste semestre pela resposta à pandemia

O início do distanciamento social por conta da pandemia do novo coronavírus exigiu respostas rápidas. O que poucos sabem é que em uma universidade como a PUC Goiás esses processos precisaram ser discutidos de forma rápida e assertiva não só pelo grupo de gestores, mas também pelos conselhos.

Na Câmara de Graduação, núcleo responsável pelas deliberações sobre os cursos de graduação no conselho da universidade, os membros precisaram trabalhar em oito documentos somente sobre o regime remoto na instituição, que graças aos esforços conseguiu concluir seu semestre letivo na semana passada. Além da demanda específica do contexto em que estamos vivendo agora, mais de 460 processos foram analisados e deliberados neste primeiro semestre.

“Todos os semestres a Câmara trabalha com um número expressivo de processos de diversas naturezas, de situações que fogem ao Regimento Geral, que ele não consegue dar uma resposta”, explica a vice-presidente da Câmara, professora Loriza Dantas, responsável pelo levantamento.

Entre os meses de fevereiro e junho, foram 19 reuniões entre os membros para deliberações relacionadas à graduação na universidade, incluindo antecipações de colação de grau, processo que ganhou destaque nos cursos da área da saúde durante a pandemia. “É um papel muito importante, fundamental na universidade, de instruir e avaliar esses processos”, frisa.

Leia Mais
Formação qualifica ensino remoto