Diretor do Grupo Arte e Fatos participa de concurso nacional de textos para teatro

O diretor do Grupo de Teatro Arte e Fatos da PUC Goiás, Danilo Alencar, e o diretor da Cia Apócrifa de Teatro de Curitiba, Marcos Paulo Moreira, estão finalizando um texto, no formato de dramaturgia colaborativa, com o título A Última Quaresma, para concorrer ao Concurso Nacional de Textos para Teatro, que tem como tema Cenas de Confinamento. O texto foi escrito virtualmente por Danilo, em seu apartamento em Goiânia e Marcos Paulo, um goiano que mora atualmente em Curitiba.

A Última Quaresma abre um diálogo circunstancial entre um pai e um filho. Ambos estão em um apartamento onde Eládio, o filho, mantém em quarentena o alienado e incoformado pai, Eurípedes. Oportunidade para questionarem a pandemia, a relação dos dois: pai e filho, o mundo contemporâneo, as artes dando ênfase maior ao teatro. No decorrer da peça surge uma terceira personagem com voz ativa, que são as mídias, todas elas.

Danilo avalia como positiva a ideia do Concurso. “Acho que foi muito bem pensado essa oportunidade dada aos dramaturgos para que pudessem transitar pelo caminho da dramaturgia em momentos como esses. O mundo parou, mas nossas mentes inquietas não. Paradoxalmente o reduto minúsculo de um apartamento passa ser uma imensidão sem limites, sem fronteiras. Pelas janelas assistimos perplexos a solidão dos outros, que também somos nós. Não sei quando teremos outra chance de, no meio de uma catástrofe como esta, exercitarmos a criatividade de produzir um texto para o teatro, que é a escrita da dramaturgia. Talvez em breve possamos estar escrevendo a celebração da vida”, pontua o diretor.

Participam do concurso candidatos do Brasil, Portugal e Espanha. Os textos podem ser enviados em português e em espanhol e serão selecionados por uma equipe de profissionais das artes cênicas, para publicação em um E-book de distribuição gratuita. O prazo para a inscrição vai até o dia 27 de abril com divulgação dos selecionados no dia 15 de maio. Os texto devem ser enviados para o e-mail: confinamento.confinamiento@gmail.com

O concurso é organizado pelos produtores culturais André Carreira, Narciso Telles e Vanéssia Gomes. A ideia surgiu depois que a população brasileira viu-se obrigada a ficar em distanciamento social, confinados dentro de casa. “Fechadas em nossas casas sem saber o que realmente nos oferece o futuro vemos como as pessoas buscam alternativas para superar o isolamento, a falta de convívio social, para fazer política e para encontrar modos de ser solidárias. O certo é que nada igual nos havia ocorrido e estamos obrigadas a estar aqui, e nos mantermos ativas para poder especular sobre o que virá depois, por isso estamos lançando essa convocatória a um Concurso de textos teatrais Cenas do confinamento. Pretendemos editar um volume com estas obras que seriam um documento de nossa experiência do encerro nos tempos da pandemia”, informam os organizadores.

O Grupo de Teatro Arte e Fatos é um dos núcleos da Coordenação de Arte e Cultura da PUC Goiás. A maioria dos textos encenados pelo Arte e Fatos foi escrito por Danilo, como os textos das peças No Fundo do Poço e A Clara do Ovo.

(Texto: Eliani Covem)

Leia Mais
Escola de Circo lança campanha para arrecadar doações para educandos